Projeto ‘Varre Vila’ ganha livro e exposição fotográfica gratuita em São Paulo

Protagonistas de movimento de educação ambiental na zona leste de São Paulo são tema de "Se Essa Vila Fosse Minha"

PUBLICIDADE

O projeto “Varre Vila”, movimento de educação ambiental que transformou o cenário nas vilas Nossa Senhora Aparecida e União de Vila Nova, em São Miguel Paulista, e Jardim Robru e Parque Santa Rita, em Itaim Paulista, todas na zona leste da capital, é tema do livro e da exposição fotográfica “Se Essa Vila Fosse Minha”. O projeto teve a coordenação de Daniele Ottobre e conta com fotos de Paulo Vitale, Marlene Bergamo e Anna La Stella.

O lançamento do livro e a abertura da mostra ocorrerão no próximo dia 21 de março (segunda-feira) na Galeria Olido. As obras estarão à venda e a renda será revertida para melhorias da praça que é símbolo do projeto.

PUBLICIDADE

As imagens retratam os protagonistas do processo de recuperação do local: os moradores da comunidade Nossa Senhora Aparecida, que se mobilizaram e a transformaram em um exemplo de limpeza. Tanto o projeto Varre Vila quanto o livro e a exposição têm o apoio do Consórcio Soma.

Exemplo de limpeza

O Varre Vila foi criado pelo líder comunitário Ionilton Aragão, morador da comunidade Nossa Senhora Aparecida, que percebeu na educação ambiental o melhor caminho para trabalhar o problema do descarte de lixo. Para isso, ele mobilizou a vizinhança para realizar ações baseadas em quatro pilares: coleta seletiva, consumo consciente, limpeza pública e comunidade verde.

Uma equipe de seis varredores, selecionados entre os moradores da própria comunidade, foi contratada e a varrição passou a ser realizada diariamente. A rotatória conhecida como “bola”, principal ponto de entrada da vila, que sempre estava entulhada de detritos, hoje abriga um grande mosaico e tornou-se símbolo do projeto. “Antes, era um local cheio de sacos de lixo, entulhos, móveis velhos. Não tinha nem como passar. As moscas invadiam até o bar do outro lado da rua. Agora, o local virou um ponto de encontro dos adultos e de brincadeiras das crianças. Além disso, uma vez por mês fazemos ali atividades culturais e de recreação”, explica Aragão.

A mostra está no primeiro pavimento da Galeria Olido, aberta ao público de 22 de março até o dia 22 de maio, sempre de terça a domingo, das 13h às 20h, com entrada gratuita.

Lançamento do livro “Se Essa Vila Fosse Minha”

Data: 21 de março de 2016
Horário: às 19 horas
Aberta gratuitamente ao público: 22 de março a 22 de 5 de maio, de terça a domingo, das 13h às 20h
Local: Galeria Olido – 1º pavimento – Avenida São João, 473 – Centro – São Paulo/SP
Informações: (11) 3331-8399 ou (11) 3397-0171

PUBLICIDADE